Consumo Ar Condicionado: Dicas para Economizar Mais!

Consumo Ar Condicionado: Como Funciona, Dicas Para Economizar e Mais!

Anúncios

Sem dúvidas, uma das principais preocupações de quem gostaria de ter ambientes mais climatizados, seja em casa ou em seu estabelecimento, é o consumo ar condicionado. Isso porque o produto é rotulado como um dos principais vilões da conta de luz. Principalmente em locais onde o clima tende a ser mais quente, mas afinal, será que isso é verdade?

Para descobrir qual é mais ou menos o consumo ar condicionado, uma ideia interessante é estimar quanto o aparelho normalmente consome de energia. E consequentemente qual vai ser o efeito real na tarifa cobrada em cada local. De forma prática, esse cálculo não é nada diferente de outros aparelhos domésticos. Como no caso de chuveiros elétricos, fornos elétricos e computadores, por exemplo.

Anúncios

Se você deseja saber mais sobre o consumo ar condicionado, continue a leitura do artigo para ter mais informações. Além de dicas de como economizar com o aparelho em casa. Boa leitura!

Aprenda a calcular o preço na conta de energia

consumo ar condicionado
Contrate um profissional para instalar o ar condicionado de forma correta (imagem: Canva)

Em primeiro lugar, para conseguir calcular o consumo do ar condicionado. Dessa forma, é possível utilizar os dados da tabela em conjunto com a quantidade de horas diárias que o produto será usado. Além disso, existem calculadoras que fazem essa conta na internet de forma gratuita, mas no geral, esse processo relativamente é bem simples.

Anúncios

Isso porque basta multiplicar a quantidade de kWh e a quantidade de horas por dia no qual o ar-condicionado ficará ligado em seu ambiente. Fazendo um exemplo hipotético, com um ar condicionado de 9.000 BTUs ligado por aproximadamente oito horas diárias, o gasto de energia elétrica ficaria da seguinte maneira:

17,1 kWh x 8 horas = 136,8

A partir deste cálculo será necessário saber qual é a tarifa cobrada por kWh, o que acaba variando conforme a cidade. Com um valor de aproximadamente R$0,60 o preço acabaria sendo:

R$82,08 mensalmente. Além disso, é importante lembrar que a medida de kWh geralmente é mostrada considerando um uso em até 30 dias mensais. Caso o aparelho de ar condicionado seja utilizado por menos tempo, é necessário aplicar uma conta de proporcionalidade ao fazer a divisão do valor por 30 e multiplicar pela quantidade de dias utilizados. 

Afinal, o que é BTU/H?

Antes de qualquer coisa, é importante que você entenda o que essa sigla  significa na prática. Dessa forma, sendo traduzida ao português, BTU significa Unidade Térmica Britânica. Ou seja, referente a medição dada ao tamanho da potência que seu eletrodoméstico possui para resfriar ou aquecer. 

Dessa forma, quanto mais rápido for o resfriamento, mais potência ao lançar ar no ambiente, maior serão os alcances nos espaços e ainda terá uma experiência melhor do ar condicionado. É importante levar em consideração que um ar condicionado pode variar de 7.500 a 80.000 BTUs. Além disso, esse valor é extremamente fundamental para entender mais ou menos o quanto o eletrodoméstico gasta.

Entendendo melhor os gastos – Consumo ar condicionado

Para quem não tem tanto conhecimento no assunto, fazer as contas sobre consumo de um ar condicionado, pode até parecer uma conta de matemática avançada. Entretanto, fique calmo, afinal, é muito mais simples do que pode parecer. Em primeiro lugar, para fazer isso basta você monitorar e entender melhor qual seu comportamento de consumidor.

Para fazer isso, primeiro você precisa estipular aproximadamente quantas horas por dia o aparelho fica ligado em sua residência. Por exemplo, caso você goste de dormir com o ar condicionado ligado, esse tempo será referente às suas horas de sono dormidas. Em um caso hipotético, são oito horas por dia. Sendo assim, quantos dias por mês você deixa o ar condicionado ligado? Se utilizarmos o mesmo exemplo do primeiro tópico, podemos levar em consideração todos os dias de um mês, ou seja, 30 ou 31 dias seguidos. 

Dessa forma, agora o dado é menos subjetivo: Você precisa entender qual o consumo de energia em KWh/mês. Mas calma, isso não é nenhum bicho de sete cabeças. Essa etiqueta pode ser facilmente encontrada na etiqueta do produto da tabela de eficiência energética PROCEL e no manual, o que pode acabar correspondendo a  800 Watts. Para finalizar, é importante que você saiba o preço da energia em reais de KW/h cobrado pela empresa de energia elétrica do local onde reside. Dessa forma, esse valor varia de acordo com sua cidade ou estado, mas também pode ser encontrado na conta de luz ou logo após o contato com a empresa que distribui energia elétrica. Se você deseja saber como economizar energia elétrica, diminuir o consumo do ar condicionado é uma excelente opção para isso.

Como escolher o ar condicionado ideal para você

Agora que você já sabe melhor sobre o BTU e como calcular corretamente o consumo mensal do seu ar condicionado. Chegou a hora de você entender melhor qual opção faz mais sentido adquirir para você e sua família. É de senso melhor que a potência máxima significa um melhor desempenho do produto. Entretanto, nem sempre necessariamente é assim.

Isso porque existem alguns ambientes onde a capacidade ao máximo não fará tanto impacto comparado a uma potência menor, para isso é importante ter sempre em mente:

  • O tamanho do seu ambiente correto em metros quadrados;
  • Largura do seu espaço e cumprimento;
  • O tempo no qual seu aparelho ficará exposto ao sol;
  • Quantidade de janelas no local no qual o ar ficará;
  • O número de pessoas aproximadamente que ficará no espaço;
  • Se suas lâmpadas são do modelo frias ou amarelas;
  • Quantidade de eletrônicos que o espaço possui.

Uma das opções mais populares e vendidas de ar condicionado, são os da Inverter, isso porque eles são considerados excelentes para quem deseja economizar energia, peça já o seu e tenha seu ambiente fresco e economizado (www.magazineluiza.com.br). Dessa forma, com todas essas informações você consegue avaliar a quantidade correta de calor que existe dentro do ambiente que pretende colocar o ar condicionado.

Conclusão sobre consumo ar condicionado

Se você deseja controlar o consumo do ar condicionado, é fundamental colocar em prática todas as dicas que oferecemos até aqui. Como por exemplo, uma instalação de ar condicionado mal feita pode acabar causando problemas ao aparelho e consequentemente, gastar mais energia do que o habitual. Por esse motivo, se certifique de contratar profissionais especializados para a instalação do aparelho para que não aconteçam acidentes.

Além disso, normalmente quando o técnico de instalação visita um determinado estabelecimento com o ar-condicionado em mau funcionamento, ele acaba descobrindo que o usuário acaba ligando e desligando o aparelho em pouco período de tempo. E isso acaba diminuindo o tempo útil do aparelho, por isso evite ficar ligando e desligando o aparelho.

Por fim, procure saber sobre as opções de ar condicionado disponíveis e opte pela opção que mais te chame atenção, caiba em seu orçamento e esteja de acordo com nossas recomendações.

Rolar para cima

Ao continuar navegando, você concorda com nossos Termos de Uso e Polí­tica de Privacidade.